Garoto vende a virgindade para ir em show de Sandy e Junior e é enganado por cambista com ingresso falso?


Por Michelli
Em 28/03/2019

O jovem Mateus ao ficar sabendo do show da dupla Sandy e Junior entrou em desespero e através das redes sociais fez um post onde anunciou que estava vendendo sua virgindade para conseguir dinheiro para comprar os ingressos. Porém, Mateus não conseguiu comprar o ingresso na pré venda e teve que sair do Pará e ir até São Paulo para comprar o ingresso no local.

Sem conseguir comprar nas bilheterias, Mateus acabou comprando da mão de um cambista, mas para sua surpresa o bilhete de entrada para o show era falso. O Jovem junto com outros amigos chamaram a polícia que foram atrás do cambista que não foi encontrado.

Logo depois, nas redes sociais o jovem fez um desabafo e contou o que aconteceu com ele para que outras pessoas tomassem cuidado ao comprar ingressos na mão de cambistas.


Provavelmente nos últimos dias você já deve ter visto essa notícia circulando nas redes sociais, mas será que realmente é verdade? Nós fomos atrás de portais de notícias sérios e nenhum deles confirmou a história, o tal do Mateus aparentemente nem existe e a história ao que tudo indica foi criada por sites que costumam levar notícias falsas aos seus leitores.

E a foto do garoto que estampa a notícia?

Trata-se de um vídeo que circulou em 2018 no Twitter, quando um jovem contou aos seus pais que era gay. A reação do jovem no vídeo se tornou viral pela resposta que ele recebeu dos seus pais.

Como pode ser visto no vídeo, o jovem Alejandro Rodriguez, de origem mexicana, não pôde deixar de chorar após contar a verdade a seus pais, pois sabia que em casos semelhantes os pais rejeitavam seus filhos. No entanto, ele recebeu uma resposta inesperada. "Você vai chorar, não chore. Filho que não é ruim, por nada, você vai continuar sendo nosso filho, nós amamos você de qualquer maneira, eu não me importo se você é gay ou não ", sua mãe lhe disse. 

Seu pai também lhe deu uma resposta que o jovem não acreditou: "Você é uma pessoa normal e não se pressione demais com isso ou se questione porque pode cair numa depressão. Apoiamos você em tudo, amamos muito você, dói muito, mas é por isso que não vamos ficar chateados com você. Estamos muito orgulhosos de você".